Sustentabilidade no Intesa Sanpaolo

O Intesa Sanpaolo, um dos principais bancos na Zona Euro, colaborou com a Trane para atualizar a infraestrutura no seu centro de dados em Parma, na Itália, aumentando assim a eficiência energética e operacional. Estes melhoramentos destinados a poupar energia proporcionam refrigeração fiável, eficiente e capaz, algo essencial para o ambiente do centro de dados. As atualizações cumprem padrões de sustentabilidade e fazem parte do compromisso do Intesa Sanpaolo com o apoio ambiental – bem como da sua caminhada em termos do resultado pretendido para centros de dados essenciais para a missão: edifícios de elevado desempenho.

A caminhada rumo a um edifício de elevado desempenho começou com a Trane a realizar um estudo de dois meses dos edifícios do centro de dados, período durante o qual os peritos da Trane monitorizaram temperaturas e cargas dos chillers. A auditoria revelou que a operação do sistema de refrigeração não estava otimizada para eficiência, levando os chillers a operar a 50 por cento da carga. Com base nestes resultados, os responsáveis do banco selecionaram as medidas de conservação de energia que melhor satisfaziam as suas necessidades, ao mesmo tempo que melhoravam a eficiência energética e a sustentabilidade.

A atualização do sistema proporciona refrigeração fiável, eficiente e capaz, algo essencial para o ambiente do centro de dados. Espera-se que os melhoramentos ao sistema de água refrigerada das instalações aumentem a eficiência energética em 16 por cento. Os projetos concluídos constituem um passo chave na criação de edifícios de elevado desempenho, cumprindo padrões específicos para a utilização de energia e água, fiabilidade do sistema e tempo operacional, conformidade ambiental e conforto e segurança dos ocupantes.

História anterior

Sustentabilidade na Ferrero